quinta-feira, agosto 18, 2011

Um poema de Wender Álvaro Rodrigues Mothé




Ao DEUS do Meu Coração


Olhando o mundo ao meu redor,
Pergunto às vezes a mim mesmo:
Que razão há em tudo isso;
No que ouço, sinto e vejo?


Vem o vento a responder com um leve assopro;
Vem a chuva responder com seu frescor;
Vem as flores responder com seu perfume;
Vem meu Mestre responder com seu amor.


Então compreendo a razão da vida
Ele se entregou por mim
Sendo eu digno de morte
Ele me amou mesmo assim.


Sou grato ao Criador de todas as coisas;
Sou grato ao que com seu sangue me remiu;
Sou grato ao que por mim intercede ao Pai;
Sou grato ao Deus que me ungiu.


Vejo assim a sua glória em meu viver
Seu poder manifesto em minhas fraquezas
Quando estou só, Ele está comigo;
Vejo em seus cuidados sua imarcescível grandeza.


Louvarei ao Deus do meu amor;
Louvarei àquele que me deu perdão;
Louvarei ao Santo Deus do Universo;
Louvarei ao Deus do meu coração.

3 comentários:

Marcos Andre - Professor disse...

Paz amado, bela poesia fico feliz de encontrar um blog de poesia, estou começando a editar algumas e se você puder visita lá!

Marcos Andre
TEMPO DE PAZ
http://umtempodepaz.blogspot.com/

Sammis Reachers disse...

Graça e paz meu querido. Visitei seu blog, parabéns pelo espaço poético meu irmão. Já estou seguindo!

Marcos Andre - Professor disse...

Obrigadão meu amado, adorei essa liste blogs de poetas que vc tem ai do lado, estou usando ela para encontrar os peotas da internet.
Graça e Paz!

E se gostar de estudo bíblico te deixo meu blog de teologia.


Marcos André – Professor
CLUBE DA TEOLOGIA
http://marcosandreclubdateologia.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...