sexta-feira, março 11, 2016

Três poemas de Karla Waters


de passagem
muito me enche de felicidade 
saber que não amo nenhuma cidade
e que em nenhuma quero morar

sinto-me estrangeira
uma alma aqui passageira
e que em breve partirá

não quero amar este mundo 
não quero nele me encontrar 
prefiro estar deslocada 
a nesta terra me encaixar

se você não pode entender 
peço pelo menos que saiba respeitar
cidadãos daqui não são obrigados 
a entenderem os cidadãos de lá!





Graça

Hoje a graça veio me abraçar
Viu que o chão
Para mim não é bom lugar
Segurou minha mão
Com um sopro trocou minhas vestes 
Calçou os meus pés com um piscar
Me mostrou o caminho de volta
Às vezes a evolução é voltar
No céu ser rico é ter o bilhete de entrada
Tendo o bilhete você não precisa de mais nada
A graça agora me acompanha
Estou de volta no caminho certo
O caminho que passa pela cruz e pelos pregos
O caminho em que o riso não é constante
Mas a alegria da salvação é permanente
A graça caminha silenciosa
Caminha suave e perseverante
É boa companheira para a longa viagem
Ela ajuda, e além de apontar o caminho, diz baixinho: Avante!

Visite o blog da autora: http://poesiadoalto.blogspot.com.br/

2 comentários:

Nal Pontes disse...

Muito bom, gostei de ler poesias bem inspiradas e abençoadas.
Parabéns pelo blog que compartilhar trabalhos de outros autores também
Um bom e abençoado final de semana.

Agrega Blogospel disse...

PARTICIPE E CRESÇAMOS JUNTOS http://semeandojesuscristo.blogspot.com.br/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...