terça-feira, dezembro 07, 2010

Um soneto (natalino) de Filemon F. Martins

.



TEMPO DE NATAL

A memória se embrenha pelo tempo
que ensina com amor tanta humildade.
Uma emoção envolve o pensamento,
é o Natal de Jesus, da Cristandade.

Aquela noite calma um leve vento
soprava, com dulçor, pela cidade
trazendo ao mundo, novo sentimento
e uma lição de amor à Humanidade.

Nasceu o Cristo, o meigo Nazareno,
envolto pela fé, Jesus sereno,
mostrou ao povo seu amor profundo.

Como nos céus da antiga Palestina
vejo outra vez brilhar a luz divina
iluminando o coração do Mundo.

Visite o blog do autor: http://www.filemon-martins.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...