quinta-feira, novembro 20, 2014

Três poemas de Hêzaro Viana Belo


Lágrimas 
A primeira gota caiu Nos primeiros instantes de vida Deixando o ventre materno Para as mãos de um médico Ao primeiro respirar
Quando ainda era uma criança O brinquedo quebrou, o maninho bateu, A saudade do colo da mãe
Pouco tempo depois um amor foi embora A decepção com o fracasso na escola Um filme romântico Uma música lenta São momentos nos quais sempre uma lágrima rola
E a maturidade não inibe a sensibilidade Na verdade a faz aflorar Um novo amor que chegou O anel que recebeu O dia do enlace com que sonhou
E novas gotas rolaram Molhando os braços que embalaram O pequeno fruto do amor
Lágrimas passadas, lágrimas sofridas Lágrimas de amor e emoção Purificaram a alma Fizeram bem ao coração
Lágrimas voltarão a rolar E contarão histórias vividas Um dia não mais existirão Pois Deus as enxugará Mas enquanto o coração pulsar Lágrimas farão parte da vida

Pedacinho do céu

Nossa casa,
Nosso ninho
Repleto de amor
E felicidade
Se estou dentro sou feliz
Feliz distante,
Mas com saudade
Nossa casa,
Nosso ninho
Lar
Quanta paz aqui sobre nós recai
Vinda de Deus
Paz que nos satisfaz
Nossa casa,
Nosso ninho
Um mundo de carinho
Onde podemos desfrutar
O melhor que Deus nos dá
Bênção mais doce que o mel
Nossa casa, nosso lar
Um pedacinho do céu



Porque tenho você
Para minha esposa Kelly Cristine Gusmão Belo
Porque tenho você Meu sorriso é mais largo Meus olhos brilham como nunca E meu coração salta de prazer
Porque tenho você Me sinto como criança destemida Meus temores desaparecem E meus sonhos podem se realizar
Porque tenho você Vejo beleza quando o dia está cinza Vejo calmaria mesmo enquanto a tempestade não se finda Vejo que o sol, vencendo as nuvens, vem me aquecer
Porque tenho você Eu creio em milagres Creio que o mar se abre Ou que sobre as águas eu poderei andar
Porque tenho você Sei que lágrimas fazem parte da vida E que após uma noite maldormida A alegria virá ao amanhecer
Porque tenho você Amo a fúria do mar A singeleza da flor E a brisa que e faz balançar
Porque tenho você Meus olhos veem o impossível E onde parecia não haver um caminho Agora juntos podemos caminhar
Porque tenho você Conheço o amor Vivo o amor
E na eternidade Sei que ainda vou lhe pertencer Porque tenho você

2 comentários:

Velho Pescador disse...

Lindos poemas
Parabéns!

Hêzaro Viana Belo disse...

Oi, Sammis Reachers! Obrigado pela oportunidade de mostrar meus poemas. Abração

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...