domingo, outubro 26, 2008

Três poemas de Luciano Martini


EXPECTATIVA

O sol nasce desbotado
nuvens marcham em desalento
os sabiás desafinam
borboletas abandonam suas cores
choram as flores
por saudade de ti

falta o aroma da chuva
as ondas quebram sem graça
ribeiro corre tristonho
canteiros sem odores
choram as flores
por saudades de mim

vento sopra preguiçoso
o beija-flor está de mal com o jardim
estrelas desistem de brilhar
fogem pirilampos voadores
choram as flores
por saudades de nós

Baseado em Romanos 8, 19 - "Porque a ardente expectação da criatura espera a manifestação dos filhos de Deus."


AS ESTRELAS

As estrelas
não serão alcançadas nunca
mas como as noites seriam tristes sem elas

Os astonautas não conseguiram chegar nem perto das estrelas
mas os poetas,
vão lá todas as noites...

Há uma lenda muito antiga
que diz:
Quem conseguir seguir uma estrela inalcançável
e viajar na luz de seu brilho,
no final do caminho,
encontrará um Menino.


PROMESSA

Espero a tua volta!
E, embora às vezes me entristeça
Enquanto aguarde,
É tão bela a tua promessa
Que chego a desejar que venhas tarde...


Visite o blog do autor: http://lucmartini.blogspot.com/

Um comentário:

LUCIANO Martini disse...

Obrigado por tuas palavras e por divulgares os meus poemas. Um abração.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...