terça-feira, maio 29, 2012

Dois poemas de Noélio Duarte, do livro Missões, é tempo de avançar!



É tempo de avançar

Que tempo é esse?

Olhando tudo ao redor,
Vejo com preocupação
Um mundo cada vez pior,
Sem paz, vida e salvação!

É um tempo
De medo,
Ansiedade,
Impiedade;

De injustiça,
Maldade,
Crueldade...

De exploração,
Desavença,
Descrença...

De agressividade,
Ingratidão,
Complicação...

De abandono,
Insensibilidade,
Necessidade...

De indiferença,
Desilusão,
Omissão!

É o cenário cruel, de agora,
- São os desafios desta hora –
É uma realidade tão dura...
E a constatação é real:
Aumenta o pecado e o mal
- É o tempo da semeadura!

Cristãos,
O tempo de avançar chegou!
Jesus mesmo assim declarou:
“Levantai vossos olhos e vede:
É tempo de semear e colher,
Há muito trabalho a fazer...
Estou convosco, crede!”

E se o mal é devastador,
Jesus Cristo é resgatador,
E Ele nos deu uma missão:
Semear Sua Palavra de Luz,
O evangelho ao perdão conduz
- Salvar vidas está em nossas mãos!


HÁ FOME NA TERRA

Há fome na terra...
Fome, muita fome,
(E isto faz tanto mal...)
Fome que assola,
Fome que desola,
Fome: dor sem igual!

Há fome na terra...
Sim, fome que está aí:
Cerca-nos por todos os lados
E vemos seus resultados
Em cada vida a cair...

Há fome na terra:
Fome de alimento,
De sustento,
De sentimento...

Fome...
De atenção,
Aceitação,
Aproximação...
Fome, sim,
De carinho,
De caminho
De um tempinho...

Há fome, muita fome...
De calor,
De valor,
De amor...

De profissão,
De satisfação,
De realização...

De moradia,
De alegria,
De simpatia...

De escutar,
De aceitar,
De falar...

Há fome demais:
Fome que não passa,
Fome que arrasa:
Há fome de Paz!

Há fome na terra...
Como negar?
Como deixar?
Como disfarçar?

Sim, a fome é demais,
Toma os espaços sociais...
O clamor é crescente,
O grito é forte, urgente,
E não podemos negar mais!

Mas entre todas as fomes
Existentes entre nós,
Há uma fome premente,
Há uma fome inclemente,
Há uma fome insistente
Expressa em cada voz real
Que se ouve a clamar:
É a fome espiritual!

Foi o Senhor Jesus quem disse:
“Dai-lhes vós também de comer...”
“Não os deixe assim viver...”
“Mostre vida, expresse amor...”
Sim, alarguemos a nossa visão
- É preciso participação –
Nisto expressemos nosso vigor!

A fome de Deus é maior
- Talvez a fome pior –
Pois ela à morte eterna conduz...
E só pode ser saciada
Se a igreja conscientizada
Levar o Pão da Vida – Jesus!

Sim, Jesus é o Pão da Vida,
Ela sacia toda a fome!
Ele é a esperança,
Ele é a saída
Ele cura toda ferida:
Jesus – Há poder nesse NOME!

Do livro Missões, é tempo de avançar! (Editora Convicção, 2012) 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...